Semana 3. Plano de Leitura e Oração

Uncategorized Sep 15, 2019

         >>> IMPORTANTE, VOCÊ DEVE LER<<<

Vamos ativar um exército de intercessores proféticos. Nos dias 20 e 21 de setembro vamos ter um tempo de vigília, com início à meia noite (00:00). O ideal é que possamos ficar em vigília da 00:00 até às 3:00 da manhã, mas faça segundo suas possibilidades. Participe! Essa semana, vamos orar juntos apenas nesses dois dias (20 e 21) e nesse período (da 00:00 - 3:00). O resto da semana você pode orar, segundo sua própria agenda.

*A terceira vigília (da meia noite às 3h da manhã) é a vigília da batalha espiritual. Esta vigília da batalha espiritual durava até às 3h da manhã, quando cantava o galo. O galo era o soldado romano que tocava duas vezes a trombeta, para assinalar o fim da penúltima vigília.

Sugestões:

  • Durante a semana, mantenha a adoração constante em seu lar.
  • Mantenha seu coração atento às instruções do Espírito Santo e aberto ao processo de arrependimento, quando Ele assim te indicar.
  • Mantenha a lei da misericórdia, em sua boca.
  • Planeje um altar familiar em sua casa, quinta ou sexta – feira. De preferência na sexta, antes da intercessão da meia noite.

À meia noite tem início a terceira vigília, segundo o relógio bíblico. Nos dias 20 e 21, vamos orar nesse horário, profeticamente, no intuito de levantar um clamor pela nação de Brasil e Bahamas. Pronto para iniciar o jejum, na semana 3? Configure seu alarme para começar a orar à meia noite, nos dias 20 e 21 de Setembro.

 


Segunda-feira 16. A segunda vigília; Jesus nos convida para orar com Ele

Esta foi a vigília em que satanás pediu para peneirar a Pedro como trigo (Lucas 22:31-34). Na primeira vigília, durante a ceia da páscoa, Jesus orou pelos discípulos - como filhos, para que Deus os protegesse de satanás (João 17). Pedro disse que seguiria a Jesus até a morte, e Jesus lhe disse que em vez de segui-lo até a morte, Pedro lhe negaria.

“E ele lhe disse: Senhor estou pronto a ir contigo até à prisão e à morte. Mas ele disse: Digo-te, Pedro, que não cantará hoje o galo, antes que três vezes negues que me conheces.” (Lucas 22:33-34). Jesus estava declarando que Pedro ainda não tinha preparação espiritual para vencer os desejos e as vontades da carne, que enfrentava.

Na segunda vigília (21:00h à meia noite), Jesus convidou Pedro e os demais para orar com Ele, os advertindo de que o espírito de um estava disposto, mas que apenas mediante a oração se venceria a carne. Apenas venceriam ao orar com Ele, submetendo suas vontades - diante do Pai (Mateus 26:38-45).

E vi o céu aberto, e eis um cavalo branco. O que estava assentado sobre ele chama-se Fiel e Verdadeiro e julga e peleja com justiça. E os seus olhos eram como chama de fogo; e sobre a sua cabeça havia muitos diademas; e tinha um nome escrito que ninguém sabia, senão ele mesmo. E estava vestido de uma veste salpicada de sangue, e o nome pelo qual se chama é a Palavra de Deus. E seguiam-no os exércitos que há no céu em cavalos brancos e vestidos de linho fino, branco e puro. E da sua boca saía uma aguda espada, para ferir com ela as nações; e ele as regerá com vara de ferro e ele mesmo é o que pisa o lagar do vinho do furor e da ira do Deus Todo-Poderoso”. (Apocalipse 19:11-15).

Jesus espera que venhamos em oração com a Palavra, para poder nos ensinar e nos preparar - a fim de nos unir ao seu exército. Só então, podemos nos firmar e fazer o inimigo estremecer. Em nossa próxima batalha contra a tentação, as provas e o pecado, lembremos que não estamos sozinhos, mesmo que o inimigo tente nos convencer do contrário, para que assim nos rendamos e nos submetamos. “Portanto, nós também, pois, que estamos rodeados de uma tão grande nuvem de testemunhas, deixemos todo embaraço e o pecado que tão de perto nos rodeia e corramos, com paciência, a carreira que nos está proposta”. (Hebreus 12:1)

Existem muitos como Pedro e Paulo, que correram sua carreira e estão nos animando para que ganhemos nossa carreira com o conselho e a exortação que nos dão, a partir das suas próprias vidas e experiências. O maior conselho é que devemos encontrar nossa força em Cristo, quem deu a sua vida por nós, a fim de que pudéssemos ter tudo o que precisamos para nossa carreira. Colocando os olhos em Jesus, o autor e consumador da fé, o qual pelo gozo posto diante dele sofreu na cruz, menosprezando o opróbrio, e se sentou à direta do trono de Deus. Considerando aquele que sofreu tal contradição de pecadores contra si mesmo, para que vosso ânimo não se canse até desfalecer.

  • Durante o dia de hoje, ore para que a Palavra de Deus nos faça firmes e nossa fé seja inquebrantável; que com nossos olhos espirituais possamos ver a obra terminada de Cristo na cruz e compreender mais sobre o poder da ressurreição que Ele nos deu.
  • Ore para que descartemos todas as dúvidas e temores; que sejamos valentes e esforçados para resistir às hostes do inferno e suas mentiras, liberadas constantemente para confundir, aterrorizar e debilitar - quem tem o testemunho de Jesus Cristo. (Apocalipse 12:17, Ezequiel 13:17-23).
  • Ore para que possamos confiar no Senhor Deus e Sua Palavra com todo nosso coração (3:5-6); Ele é fiel e verdadeiro e não nos abandonará (Apocalipse 19:11).

Terça-feira 17. Estamos assentados com Cristo, livres e com autoridade - nos lugares celestiais

Paulo e Silas foram presos, açoitados e espancados, mas à meia noite, orando, Paulo e Silas cantavam hinos a Deus e os presos os ouviam. Então, de repente, sobreveio um grande terremoto, de tal maneira que as paredes das celas tremeram, em instantes todas as portas se abriram e os grilhões de todos se soltaram (Atos 16:25-26). Satanás pensava que os tinha encarcerado e imobilizado, completamente, deixando-os sem possibilidade de fazer mais obras do Reino de Deus, em nome de Cristo. Entretanto, Paulo e Silas sabiam que mesmo estando presos fisicamente, estavam assentados com Cristo, livres e com autoridade - nos lugares celestiais. Assim, demonstraram sua autoridade sobre satanás, mediante oração e adoração, na hora da batalha.

Hoje, dedique um tempo para a ADORAÇÃO EXTREMA! Deixe que o Espírito Santo te guie e adore em espírito e em verdade. Enquanto estiver orando, proclame a Palavra da Verdade sobre as diferentes situações de opressão que podem estar se desenvolvendo em sua vida, casa ou cidade. Suba em adoração e desça em guerra!

 


Quarta-feira 18. Apenas o poder celestial é efetivo nas batalhas celestiais

Pouco depois de haverem sido criados, Adão e Eva encontraram a si mesmos na batalha mortal contra a serpente, o diabo, no jardim do Éden. Falharam e com eles - toda a raça humana. Mas no jardim Getsêmani, sobre o Monte das Oliveiras, Jesus selou Sua vitória ao orar e interceder durante as ultimas horas, antes de ser arrastado, injustiçado e crucificado sobre no Calvário. Como Jesus havia se preparado espiritualmente, Ele estava pronto para resistir e ficou firme - até o fim. Nossas provas também virão e a questão é se estaremos ou não, prontos para resistir.

O apóstolo Paulo compartilha o segredo da resistência: “No demais, meus irmãos, fortalecei-vos no Senhor e na força do seu poder. Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo”. (Efésios 6:10-11). Como vimos no plano de leitura de segunda, o erro de Pedro foi assumir que podia resistir em sua própria força e determinação; logo descobriria que sua força e determinação não serviriam na confrontação espiritual. O poder terreno é inútil nas batalhas celestiais, onde apenas o poder celestial é efetivo. “Não por força, nem por violência, mas pelo meu Espírito, diz o Senhor dos exércitos.” (Zacarias 4:6).

Paulo e o profeta Zacarias nos lembram que nossas forças para a batalha devem vir de Deus, do poder da Sua força. Devemos ser fortalecidos no Senhor e não em nós mesmos. Assim que Paulo declara que Deus, de fato tem preparado a cada um, com uma armadura especial, feita particularmente para lidar com todas as armas, estratégias e planos do inimigo. Jesus mesmo demonstra o uso dessa armadura em sua preparação e prova no deserto, antes de começar seu ministério, quando guiado pelo Espírito, começa um tempo de oração e jejum, em um lugar solitário. Ao final dos 40 dias, o diabo veio para tentá-Lo. Porém, Satanás descobriu que mesmo estando fisicamente debilitado, Jesus estava fortalecido espiritualmente, e empunhava a Espada do Espírito, a Palavra de Deus, com poder e efetividade incrível para derrotá-lo. (Mateus 4).

Ore para que ao final dessas 40 dias de jejum, você e todos aqueles que estejam unidos neste jejum, sejam fortalecidos espiritualmente.

Coloque a armadura de Deus neste tempo e reclame sua herança, pela fé em Cristo Jesus; levante uma cerca de santidade em torno de sua vida. Remova todo exercício de autoridade que o inimigo esteja exercendo sobre sua vida, por causa de sua desobediência e se arrependa.

Peça a Deus por uma unção sobrenatural, para confrontar qualquer estrutura velha que esteja morta, sem dar frutos ou te mantendo em cativeiro, em círculos passados.

Ore para que Deus te mostre os dons que estão em você. Decrete em nome de Jesus, que você vai sair desse lugar de cativeiro para um lugar de vitória. Declare que a nação em que você vive será livre, pelo poderoso nome de Jesus.

Lembre-se que amanha você pode realizar um altar familiar. Desse modo, começamos a preparar a atmosfera para o tempo de intercessão de sexta e sábado, à meia noite (00:00).

 


Quinta-feira 19. Nos mantemos em estado de alerta (Levantar altar familiar)

Tanto as igrejas como os indivíduos, devem tomara com seriedade a segunda e terceira vigílias, e orar. Devemos nos revestir com a armadura de Deus, para garantir a vitória nas batalhas contra o inimigo das nossas almas (Efésios 6:10-20). O Senhor não apenas nos dá esta armadura como proteção espiritual, mas também nos dá como uma arma incrível – de ataque. A arma de ataque mencionada é sua Espada (a Palavra) e o Espírito, e podem ser usadas contra o inimigo, apenas na oração. “Tomai também o capacete da salvação e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus, orando em todo tempo com toda oração e súplica no Espírito e vigiando nisso...”(Efésios 6:17,18).

Paulo e Silas foram preparados ao realizar a vigília na hora da batalha e ganharam a confrontação, em nome de Cristo. No idioma original, em grego a palavra “velar” significa também “se manter em estado de alerta”. Muitos cristãos no mundo vivem uma vida espiritual de derrota, porque ignoram a armadura que Cristo deixou para nós, no closet da oração.

Deus tem determinado que nos aproximemos do trono de Deus, ajoelhados perante o Rei, com a Palavra - “a constituição” de Seu Reino. Se formos ante Ele, sem orar Sua Palavra, chegaremos perante Ele - sem a espada do Espírito, e conseqüentemente, não poderemos ser capacitados pelo Espírito. Devemos aprender a orar as Escrituras, porque nElas encontramos a linguagem do Espírito, ou seja, os pensamentos e os desejos de Deus.

Jesus é o Mestre, o verbo vivente (João 1:1), de cuja boca procede uma espada cortante.

  • Agradeça a Deus por ser seu auxílio e a sua ajuda no tempo da necessidade.
  • Agradeça a Deus pela proteção sobrenatural em sua vida, descendência e herança.
  • Agradeça a Deus porque Ele nos enviou um libertador, Cristo Jesus.

 


Sexta 20 e sábado 21. Vigília

Pode seguir o seguinte plano durante a vigília de sexta e sábado, mas o mais importante é que você siga a direção do Espírito Santo, durante esse tempo.

  1. DECLARAÇÃO DE CONFIANÇA NA PROTEÇÃO DE DEUS, por Derek e Ruth Prince

Nenhuma arma forjada contra nós prosperará e condenamos toda língua que se levanta contra nós, em juízo. Esta é nossa herança como servos do Senhor e nossa justiça está em ti, Oh Jeová dos exércitos

Portanto, em nome de Jesus perdoamos e abençoamos a quem, de forma consciente ou inconsciente, tenha falado ou orado contra nós, a quem de forma intencional ou por ignorância tenha buscado nos fazer algum dano ou mal, ou que nos tenha rejeitado (Mateus 5:43-45; Romanos 12:14).

Agora declaramos, Oh Senhor, que tu e somente tu és nosso Deus, e além de ti não há outro Deus justo e poderoso para salvar. Apenas tu fazes justiça, e renunciamos a toda vingança ou desejo de fazer justiça pelos nossos próprios meios.

Submetemos-nos novamente a ti nesse dia, em obediência incondicional.

Depois de nos apresentar perante ti, Senhor, como a sua Palavra nos indica, resistimos ao diabo, a todas suas pressões, seus ataques e suas decepções, assim como a cada instrumento ou agente, que ele tente usar contra nós- não prevalecerão, em nome de Jesus! Especialmente, queremos renunciar e repelir a debilidade, dor, infecção, inflamação, tumores, alergias, vírus e toda forma de bruxaria.

Por último, Senhor - te damos graças, porque por intermédio do sacrifício de Jesus na cruz, tens vencido toda maldição e temos entrado na bênção por meio de Cristo.

Amém.

  1. Tempo de desatar a Espada do Senhor

Neste tempo desate os múltiplos usos da Espada, na oração:

  1. Espada de fogo, para proteção. (Gênesis 3:24)
  2. Espada da vingança, pela justiça. (34:26)
  3. Espada da vitória, para derrotar o inimigo. (Levítico 26:7-8)
  4. Espada da defesa, para derrotar os exércitos. (Êxodo 17:13, Josué 11:10-12)
  5. Espada do juízo, para defender o ungido de Deus. (2Samuel 1:14-16)
  6. Espada reluzente de vingança, contra o inimigo. (Deuteronômio 32:41)
  7. Espada da construção, para defender a obra do Senhor. (Neemias 4:18)
  8. Espada do Espírito (Efésios 6:17) - a Palavra de Deus, para um eficaz ministério profético (Jeremias 1:9-10).

 

Neste tempo, Sua espada é nossa arma poderosa para a destruição das fortalezas e de todo reino demoníaco. Quando oramos, o Espírito Santo nos instrui sobre como orar efetivamente, mediante a Espada do Senhor; e Jeová dos Exércitos, sem duvida, nos dará a vitória; ele se levantará e dispersará nossos inimigos (Salmos 68).

  1. OREMOS

Declare 2 Coríntios 10:4-5: “Porque as armas da nossa milícia não são carnais, mas, sim, poderosas em Deus, para a destruição das fortalezas; destruindo os conselhos e toda altivez que se levanta contra o conhecimento de Deus, e levando cativo todo entendimento à obediência de Cristo”.

Os seguintes são os pontos de oração para este tempo, que animamos a orar, segundo seja guiado pelo Espírito Santo.

  • Começa com ação de Graças (Salmos 136)

-- Damos graças ao Senhor pela preservação de nossas vidas; mesmo que o inimigo tenha tentado matar, roubar e destruir, mas graças a Jesus Cristo recebemos vida (João 10:10).

-- Damos graças porque não vamos morrer, mas viveremos para declarar as obras do Senhor (Salmos 118:13-17).

-- A Palavra de Deus declara que nossos tempos estão nas mãos de Deus (Salmos 31:15). Portanto, oramos contra todo capataz espiritual como Labão, em cada área de nossa vida, família, trabalho, nação, igreja, etc. (Gênesis 29:31)

-- Declaramos (Colossenses 1:20 e Colossenses 2:14)

-- Peça ao Senhor que restaure tudo o que tem sido roubado ou retido em sua vida e por determinadas situações. (Joel 2:25).

-- PROCLAMAR HABACUQUE 3

* Agora, dedique um tempo para o arrependimento (Salmos 51, 103).

-- Separe este tempo para se arrepender de qualquer pecado, especialmente no que se refere a dois tipos de pecado que têm se multiplicado em nosso mundo, hoje: fornicadores (comer e beber na mesa de Jezabel) e rebelião (que é como o espírito de bruxaria).

-- Declare Joel 2:17 e Hebreus 9:12.

* Tome a autoridade sobre todos os espíritos demoníacos e príncipes satânicos. Leia em voz alta Salmos 18

-- Mateus 12:28, 18:18 – como o exército de satanás opera em grupos neste momento podemos classifica-los em:

* Príncipes ocultistas,

* Príncipes de bruxaria,

* Espíritos imundos,

* O espírito de rebelião, etc.

-- Romper todos os pactos satânicos que operam em sua vida e em sua situação (Isaías 28:14-18).

Ore para que o Senhor nos faça colher com alegria tudo o que temos semeado com lágrimas (Salmos 126)

  • Durante este tempo, a igreja de Cristo se alegrará Nele, e hoje nos unimos ao Espírito Santo e oramos pela volta de Jesus nosso Rei: Bendito o que vem em nome do Senhor! Use o Salmo 118, para orar.
  • Ore pelas colheitas das nações do Brasil e Bahamas.
  • Proclame o Salmos 67 como uma benção para você, sua família, etc.
  • Ore por Israel; pela paz de Jerusalém (Salmos 122)
  • Peça ao Senhor que ordene seus passos segundo Sua Palavra, para que possa caminhar através de cada porta (Apocalipse 4) que está aberta diante de ti. Declare Salmos 119:133
  • Proclame Apocalipse 4,5,11:15

 


Domingo 22. Medite na Palavra

Separe este dia para meditar na Palavra e orar de acordo com a direção do Espírito Santo.

 

 

 

 

 

 

Close

75% Complete

Two Step

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.